Páginas

quarta-feira, 24 de outubro de 2012

O despertar~



Eu abriria os olhos e veria você dormindo tão lindo que teria pena de acorda-lo. Perdido em seus sonhos com um sorrisinho no rosto. Uma camada branda de luz do sol viria da janela iluminando nossos rostos, e então eu me sentiria num sonho acordando com a pessoa que mais amei até então. Faria caricias no seu rosto, tocando aquela pele macia desejando que aquele momento fosse eterno... seus olhos se entreabririam e nós iríamos sorrir juntos e nos olharíamos como se fosse o primeiro olhar, nos apaixonaríamos ainda mais naquele momento. Me sentiria tão grata por estar nos braços de anjo.. me sentiria como a primeira vez que nos vimos, aqueles olhares perdidos sendo recolhidos no amor de um abraço e na urgência de um beijo. Eu deitaria a cabeça no seu peito como nos velhos tempos e receberia seu carinho sentindo seu jeito e me sufocando de amor. Sentiria uma felicidade tão profunda que lágrimas adormeceriam nos meus olhos.. eu sentiria vontade de sorrir como nunca senti. O clima ficaria tão terno e em tão plácida paz que nada mais do mundo nos bastaria como a presença divina um do outro. Eu me recolheria para o seu lado e lhe daria um beijo que soaria como um agradecimento a todos os melhores momentos da minha vida que teriam sido contigo, nos teus braços e no teu amor. Você me seguraria e nós rolaríamos pela cama como crianças que nunca saíram dos quartos correndo pelos vastos campos floridos. Você estaria tão lindo como sempre foi, com o cabelo desarrumado e aquele brilho nos olhos que eu sempre amei. Não seriamos mais os mesmos, mas nosso amor estaria intacto, o tempo teria passado e as lembranças se acumulado numa grande historia de amor. Todos os nossos sorrisos e lágrimas desesperadas passariam por nossos olhos em quanto olharíamos um para o outro. Estaríamos completos e felizes como sempre quisemos. Sentaríamos na cama e nos abraçaríamos em profunda tranquilidade. Dentro de mim haveria uma vontade incrível de afogar naquelas cobertas e te esmagar em um abraço carinhoso. Você sorria como raramente sorri, forte, de verdade. Eu acharia a visão mais linda do mundo e lhe daria um beijo na testa. Levantaríamos e sairíamos caminhando, nos empurrando e nos tapeando entre beijos e abraços até a cozinha. Eu faria torradas para nós dois e você me contaria suas expectativas para o futuro, colocaria uma rosa dentro de uma garrafa de vidro no meio da mesa, derramaria o leite no chão e começaria a reclamar de mim mesma, na mesma hora você pegaria da minha mão e sorriria para mim...
Eu tenho sonhado tanto pelo dia em vamos dormir e acordar juntinhos, eu tenho sonhado pelo dia em que vou te encontrar de novo. Eu tenho sonhado com abraços e beijos fofos, querido, eu tenho sonhado com você.

Beijos, D.

2 comentários:

  1. Caraaaaaca vc descreveu exatamente o que eu queria! Pena q no meu caso não tem volta né :/ enfim... Amei o texto D. Vc escreve mt bem! (eu já tinha dito isso?) beijão ;*

    meninassentem.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Dann, parabéns pelo texto. Doce inspiração. Continue sonhando e sendo essa pessoa romântica, querida, humana e do bem. Vendo as coisas mais lindas e intensas nos pequenos detalhes.
    Vá em frente, garota. Escreva! Beijos, Davi.

    ResponderExcluir